Newsletter

Notícias

A Herdade Amália Rodrigues sita no Litorial Alentejano está disponível para todos os que nela pretendam disfrutar de uns dias de intenso prazer. Reservas por via do email herdade@amaliarodrigues.pt ou através do telefone 213 971 896 ver[+]
Sensível à produção artística e liberdade de criação dos artesãos, a Fundação Amália Rodrigues criou um programa específico de oficialização de artigos de artesanato inspirados em Amália, permitindo o uso do nome e imagem nos artigos, após aprovação e autorização prévia. ver[+]
Detalhe
A Fundação

 

A Fundação Amália Rodrigues é uma pessoa colectiva de direito privado e tipo fundacional sem fins lucrativos de solidariedade social e utilidade pública em geral, instituída por testamento de Amália Rodrigues, sua última vontade, exarado por escritura em 30 de Setembro de 1997 vindo a ser reconhecida em 25 de Janeiro de 2000 mediante a publicação na III Série do Diário da República n.º 38, de 15 de Fevereiro de 2000, através da Portaria n.º 281/2000.


Tem por missão auxiliar os mais desfavorecidos, instituições de beneficência ou de solidariedade social e nesse propósito, desenvolver todas as actividades que entender como adequadas à realização dos seus fins, sem nunca esquecer a vontade real ou presumível da sua fundadora.


Além do Presidente, a Fundação é constituída por um Conselho de Administração, um Conselho Fiscal e um Conselho Geral, com competências definidas nos seus Estatutos publicados no Diário da República n.º 301, da III Série, de 29 de Dezembro de 1999.


Tem a sua sede na Rua de São Bento n.º 193, em Lisboa, onde funciona a Casa Museu Amália Rodrigues, aberta ao público para visitas todos os dias do ano excepto às segundas feiras e Feriados.


Reconhecida de utilidade pública com efeitos retroactivos à data do pedido, por despacho da Presidência do Conselho de Ministros, assinado pelo Senhor Primeiro-Ministro, José Sócrates, em 28.09.2007.


A Fundação Amália Rodrigues é detentora dos direitos de nome e imagem da fadista, gerindo este património imaterial com o objectivo de captar apoios e receitas para concretizar a acção de solidariedade social que, por testamento de Amália Rodrigues, constitui o objectivo nuclear da Fundação.


Para fazer juz a este desiderato, a Fundação promove e apoia exposições e eventos associados ao nome de Amália Rodrigues e ao Fado, publicações literárias, álbuns e registos fonográficos e videográficos, objectos de ornamentação e colecção (desde joalharia a artigos de consumo alimentar).

 



Galeria

sdads sdads sdads sdads